Aleitamento.com
AmamentaçãoMãe CangurúCriançasCuidado PaternoHumanização do PartoBancos de Leite Humano Espiritualidade & Saúde DireitosProteçãoPromoçãoILCA / IBCLCConteúdo ExclusivoTV AleitamentoGaleria AMNotíciasEventosSites e BlogsLivrariaCampanhas
 
Faça seu login e utilize ferramentas exclusivas. Se esqueceu a senha, acesse o "cadastre-se" e preencha com seu e-mail.

\ Amamentação \ Alertas \ Artigo

LAM = MÉTODO de AMENORRÉIA LACTACIONAL: Amamentação exclusiva no Planejamento Familiar

Por: Marcus Renato de Carvalho

       

  AMAMENTAR de forma EXCLUSIVA nos primeiros 6 meses de vida pode EVITAR nova GRAVIDEZ?

 O Método de Amenorréia Lactacional – LAM consiste em utilizar a Amamentação exclusiva como opção inicial de planejamento familiar. Age impedindo a ovulação, porque o Aleitamento produz transformações na velocidade que se libera os hormônios femininos, desorganizando o eixo hipotálamo – hipófise - ovário. A sucção freqüente por parte do lactente envia impulsos nervosos ao hipotálamo materno, alterando a produção hormonal, o que leva à anovulação; como conseqüência da não ovulação ocorre a “amenorréia”, um dos critérios básicos para a eficácia do LAM.

É efetivo quando usado de forma correta: 0,5 gestações por cada 100 mulheres nos primeiros 6 meses depois do parto (1 gravidez em cada 200 mulheres). O uso adequado consiste:

 

1 – Amamentação exclusiva (ou ao menos 85% da alimentação em aleitamento materno com freqüência, sem horários, diuturna, sem água ou chás...);

2 – Amenorréia (ausência de menstruação);

3 – O bebê tem menos de 6 meses de idade.

 

Caso alguma destas condições seja rompida, recomenda-se:

    usar outro método efetivo de planejamento familiar, que não interfira com o aleitamento (métodos não hormonais – DIU, camisinha, vasectomia, diafragma... ou mini-pílulas, i. é, somente com progestágeno, como Nortrel, Micronor...)
    Continuar a amamentação.
    previne a gestação de forma efetiva pelos 6 primeiros meses pós-parto ou por mais tempo se a mulher continua amamentando com freqüência de dia e de noite;
    promove o Aleitamento Materno adequado;
    pode ser usado imediatamente após o parto;
    não há necessidade de se fazer nada na hora da relação sexual;
    não apresenta custos diretos;
    não se requer nenhuma medicação ou procedimento para prevenir nova gravidez;
    nenhum efeito secundário por hormônios ao binômio;
    permite tempo para eleição de um método contraceptivo subseqüente no momento apropriado;
    possibilita que a mãe e o bebê usufruam das vantagens da Amamentação.

 

A MAIORIA DAS MULHERES PODE USAR O L A M

 

Todas as nutrizes podem optar pelo LAM de forma segura e eficaz, mesmo as tabagistas, jovens ou de mais idade, gordas ou magras. Mesmo nas seguintes circunstâncias o LAM pode ser aplicado: doenças benignas da mama.

    anemia por deficiência de ferro
    câncer de mama
    malária
    cefaléia
    drepanocitose
    hipertensão
    doenças da Tireóide
    varizes
    doenças da vesícula
    doença valvular cardíaca
    fibromas uterinos
    diabetes

 

ACONSELHAMENTO SEGURO

 

Imprescindível para a mulher que escolha o LAM um acompanhamento empático por um profissional de saúde que transmita confiança, que acredite no método e que a escute com interesse e preocupação. É preciso que a nutriz tenha acesso fácil a este profissional, se sinta à vontade para fazer perguntas, tirar suas dúvidas e encontrar nele um bom apoiador da amamentação.

 

Referências:

 

“Lo Esencial de la Tecnologia Anticonceptiva – manual para personal clínico” Programa de Información em Población de Johns Hopkins, USA, julio 1999.

 

Mais informações:

 

"Manejo Clínico da Lactação” (1/3 do livro é dedicado ao LAM) Ed. Revinter, 1996.

 

“Amamentação – Bases Científicas” Ed. GEN, Rio de Janeiro, 2005.

 

 

OUTRAS LEITURAS RECOMENDADAS:

 

Labbok, M., Cooney, C. y Coly, S - Guias para la lactancia materna, la planificación familiar y el método da lactancia y amenorréia – LAM. Washington, DC, Georgetown University, Institute of Reproductive Health, 1994.

Labbok, MH, and Howie, PW: Overview and summary: the interface of breastfeeding, natural family planning, and lactational amenorrhea. Am J Obstet Gynecol 165:2013-14, 1991.

Saaikoski, S: Contraception during lactation. Ann Med 25:181-84, 1993.


Última atualização: 5/7/2011

 

Curtir

Comentários


Essa é uma área colaborativa, por isso, não nos responsabilizamos pelo conteúdo. Leia nossa Política de Moderação.
Caso ocorra alguma irregularidade, mande-nos uma mensagem.

 

Depoimentos

Gostou do site? Ele te auxiliou em algum momento? Deixe seu depoimento, assine nosso livro de visitas! Clique aqui.

Quem Somos | Serviços | Como Apoiar | Parceiros | Cadastre-se | Política de Privacidade/Cookie/Moderação | Fale Conosco
O nosso portal possui anúncios de terceiros. Não controlamos o conteúdo de tais anúncios e o nosso conteúdo editorial é livre de qualquer influência comercial.
Este site utiliza cookies para lhe proporcionar uma melhor experiência. Ao navegar no mesmo, está a consentir a sua utilização. Caso pretenda saber mais, consulte a nossa Política de Privacidade/Cookie.
22 Ano no ar ! On-line desde de 31 de julho de 1996 - Desenvolvido por FW2 Agência Digital