Aleitamento.com
AmamentaçãoMãe CangurúCriançasCuidado PaternoHumanização do PartoBancos de Leite Humano Espiritualidade & Saúde DireitosProteçãoPromoçãoILCA / IBCLCConteúdo ExclusivoTV AleitamentoGaleria AMNotíciasEventosSites e BlogsLivrariaCampanhas
 
Faça seu login e utilize ferramentas exclusivas. Se esqueceu a senha, acesse o "cadastre-se" e preencha com seu e-mail.

\ Cuidado Paterno \ Homem \ Artigo

Pai atrapalha na sala de parto ?

Por: Marcus Renato de Carvalho

Pai pode atrapalhar na hora do parto ?

Mulher (Doula) seria melhor companhia ?

 

               Os pais podem não ser os melhores acompanhantes para uma mulher em trabalho de parto, afirma um estudo realizado pela Universidade de Toronto, no Canadá. No entanto, o apoio contínuo de uma mulher com treinamento e experiência pode reduzir a probabilidade de a mulher precisar se submeter a uma cesariana ou de analgésicos fortes para reduzir a dor.

O estudo contaria a tendência atual de incentivar os homens a presenciarem o nascimento de seus filhos. A pesquisa sugere ainda que as mães que contam com a presença contínua de mulheres experientes tendem a ter um clima mais positivo no trabalho de parto do que as que são acompanhadas pelo pai da criança. Especialistas britânicos dizem que muitas vezes os pais ficam muito nervosos durante o parto.

O hábito de o pai participar do parto é relativamente novo. Em décadas passadas, o mais comum era a mulher dar à luz acompanhada pela mãe ou pela irmã mais velha.

Mais uma ajuda

Na Inglaterra, é cada vez mais comum o parto ser acompanhado pelas chamadas doulas – mulheres que, embora não tenham conhecimento do parto para dar apoio à mãe. As doulas, em geral deram à luz pelo menos uma vez e são contratadas pelas gestantes.

- Alguns homens ficam aterrorizados e a última coisa que se precisa numa sala de parto é medo – diz Janine Birtles, de uma agência de doulas britânica.

Os pesquisadores do Canadá também constataram que muitas mulheres são incentivadas a optar pela cesariana ao primeiro sinal de dificuldades no trabalho de parto.

Jornal Extra – 25 de setembro de 2003

Opinião

O pai deve ter direito de estar no parto: profissionais e serviços de saúde devem proporcionar esta possibilidade.

Isto não significa que deve ser obrigatória sua presença – esta é uma decisão do casal.

Particularmente sou favorável a presença paterna na sala de parto, e penso que o homem pode ser preparado para ser uma boa e útil compania.

Leia mais sobre esta questão aqui no nosso site, nos artigos:

    * Direito do Pai no parto (lei em SC, RJ, SP);

    * Dicas para a participação do pai no parto

    * O pai no parto – controvérsias

    * Lei (nacional) do acompanhante

...

Marcus Renato de Carvalho.
 
 


Última atualização: 17/2/2011

 

Curtir

Comentários


Essa é uma área colaborativa, por isso, não nos responsabilizamos pelo conteúdo. Leia nossa Política de Moderação.
Caso ocorra alguma irregularidade, mande-nos uma mensagem.

 

Depoimentos

Gostou do site? Ele te auxiliou em algum momento? Deixe seu depoimento, assine nosso livro de visitas! Clique aqui.

Quem Somos | Serviços | Como Apoiar | Parceiros | Cadastre-se | Política de Privacidade/Cookie/Moderação | Fale Conosco
O nosso portal possui anúncios de terceiros. Não controlamos o conteúdo de tais anúncios e o nosso conteúdo editorial é livre de qualquer influência comercial.
Este site utiliza cookies para lhe proporcionar uma melhor experiência. Ao navegar no mesmo, está a consentir a sua utilização. Caso pretenda saber mais, consulte a nossa Política de Privacidade/Cookie.
23 Ano no ar ! On-line desde de 31 de julho de 1996 - Desenvolvido por FW2 Agência Digital