Aleitamento.com
AmamentaçãoMãe CangurúCriançasCuidado PaternoHumanização do PartoBancos de Leite Humano Espiritualidade & Saúde DireitosProteçãoPromoçãoILCA / IBCLCConteúdo ExclusivoTV AleitamentoGaleria AMNotíciasEventosSites e BlogsLivrariaCampanhas
 
Faça seu login e utilize ferramentas exclusivas. Se esqueceu a senha, acesse o "cadastre-se" e preencha com seu e-mail.

\ Cuidado Paterno \ Homem \ Artigo

Ser PAI muda sua FORMA de SENTIR e ESTAR na VIDA?

Por: Marcus Renato de Carvalho

   

  A PATERNIDADE AMADURECE?

 

 

A PATERNIDADE REJUVENESCE?

 

 

  O impacto do “tornar-se pai” na vida do homem é o tema da Campanha de Valorização do Cuidado Paterno 2007. Esta questão surgiu após ouvir uma entrevista do publicitário Washington Olivetto. Ao refletir sobre suas experiências de ser pai em fases diferentes da vida, Olivetto relatou que a paternidade na adolescência o fez amadurecer e agora, mais velho, trouxe uma sensação de rejuvenescimento. Estas repercussões da paternidade independem da idade e estão associadas à forma como assumimos e curtimos esta etapa da vida.

 

 

Um estudo recente demonstrou que os “cinqüentões” vivem hoje como jovens viviam há 50 anos. Houve profundas transformações no estilo de vida, na cultura, no comportamento. Isso tudo nos tornou mais próximos de nossos filhos. Sentamos e rolamos no chão, estamos mais disponíveis para brincar e praticar esportes juntos. Enfim, mudamos a forma de encarar a vida – qualitativa e quantitativamente. “Hoje, 50 anos está mais perto do meio de nossa vida do que do fim”, disse o psicólogo Martin Lloyd-Elliott.

 

 

PATERNIDADE PRECOCE?

 

A Idéia de que ter filhos mais velhos significa transmitir mais responsabilidade às crianças pode ser equivocada. Ter mais idade não significa maior compromisso com a paternidade. Segundo a psicoterapeuta paulista Lea Cardenuto: “um filho se beneficia de um adulto mais maduro, não necessariamente mais velho”.

Por isso, ser pai na adolescência não é irremediavelmente uma catástrofe. Jovens com apoio familiar e social e com um ambiente favorável são capazes de cuidar e se comprometer com seus filhos. Cabe aos pais do novo pai uma atitude de suporte e não de substituição, assumindo as tarefas paternas. É preciso ter cuidado para não torná-lo quase um irmão mais velho de seu próprio filho.

Muitos pais, jovens ou mais velhos, ainda não podem curtir a paternidade de uma forma plena. A separação pode ser um empecilho para o exercício desse direito. O Congresso Nacional ainda não aprovou a Lei da Guarda Compartilhada, importante ferramenta jurídica que tem como objetivo conferir igualdade parental.

 

O Aleitamento.com defende o Direito à Paternidade e políticas públicas de apoio aos “homens-pais”.

 

Apóie também essa idéia!

 

 
Campanha de Valorização do Cuidado Paterno acontece desde 2003
 

A Campanha de Valorização do Cuidado Paterno, uma iniciativa do site www.aleitamento.com, chega ao seu quarto ano. Tem como objetivo a divulgação da importância da função paterna, os direitos e deveres dos pais e a mobilização da sociedade para a aprovação pelo Congresso Nacional da lei que regulamenta a Guarda Compartilhada.

 

Em 2003, a Campanha teve como lema: "PAI DÊ O PEITO PARA SEU FILHO", ressaltando a importância dos cuidados cotidianos, e foi celebrada com uma grande festa em homenagem aos pais no baixo bebê do Leblon.

No ano de 2004 o mote adotado foi "PELO DIREITO À PATERNIDADE", e com o apoio da mídia (Programa Mais Você, Sem Censura, Revista O Globo) a empreitada atingiu um número enorme de pessoas e transformou a Campanha de Valorização do Cuidado Paterno em um evento marcante da cidade do Rio de Janeiro. Os atores Eduardo Lago e Cissa Guimarães, que na época interpretavam um casal de pais separados, no seriado Malhação, foram os padrinhos da Campanha.

Em 2005, o slogan adotado foi “PAI: PODE ENTRAR!”. Realizamos conversas no Shopping da Gávea e houve a apresentação dos Mímicos no Teatro do Jóquei. Além disso, houve a distribuição de folhetos explicativos da Campanha e, assim como nos anos anteriores, advogados e profissionais da área de saúde prestaram esclarecimentos sobre as iniciativas da Prefeitura do Rio de Janeiro: UNIDADE de SAÚDE PARCEIRA do PAI e ESCOLA AMIGA do PAI. O Projeto de lei da Guarda Compartilhada, e muitos outros assuntos que interessam ao novo estilo de pai, que tem participado cada vez mais ativamente da vida de seus filhos também foram abordados.

No ano passado, o evento da campanha celebrou a satisfação de ser pai no Jardim Botânico e com uma roda de conversa em uma escola. Com o slogan: “PATERNIDADE: MUITO PRAZER” mostramos que evoluímos para a noção do direito à paternidade e ser pai não é mais considerado um dever. Hoje, os pais curtem com seus filhos o prazer desta vivência.

 

Este ano, o slogan é: “Ser PAI: REJUVENESCE. Ser PAI: AMADURECE”, que mostra os diferentes impactos de ser pai na vida dos homens. Quando se é pai muito cedo, os homens se tornam mais maduros, responsáveis, comprometidos. Por outro lado, quando a paternidade chega em idades mais avançadas, eles se sentem mais jovens. A alegria de uma nova vida traz mais vontade de viver.

 

OPINE

PARTICIPE

 

 

Prof. Marcus Renato de Carvalho

Pai da Clara e da Sophie

 

 

 


Última atualização: 1/3/2011

 

Curtir

Comentários


Essa é uma área colaborativa, por isso, não nos responsabilizamos pelo conteúdo. Leia nossa Política de Moderação.
Caso ocorra alguma irregularidade, mande-nos uma mensagem.

 

Depoimentos

Gostou do site? Ele te auxiliou em algum momento? Deixe seu depoimento, assine nosso livro de visitas! Clique aqui.

Quem Somos | Serviços | Como Apoiar | Parceiros | Cadastre-se | Política de Privacidade/Cookie/Moderação | Fale Conosco
O nosso portal possui anúncios de terceiros. Não controlamos o conteúdo de tais anúncios e o nosso conteúdo editorial é livre de qualquer influência comercial.
Este site utiliza cookies para lhe proporcionar uma melhor experiência. Ao navegar no mesmo, está a consentir a sua utilização. Caso pretenda saber mais, consulte a nossa Política de Privacidade/Cookie.
24 Ano no ar ! On-line desde de 31 de julho de 1996 - Desenvolvido por FW2 Agência Digital