Aleitamento.com
AmamentaçãoMãe CangurúCriançasCuidado PaternoHumanização do PartoBancos de Leite Humano Espiritualidade & Saúde DireitosProteçãoPromoçãoILCA / IBCLCConteúdo ExclusivoTV AleitamentoGaleria AMNotíciasEventosSites e BlogsLivrariaCampanhas
 
Faça seu login e utilize ferramentas exclusivas. Se esqueceu a senha, acesse o "cadastre-se" e preencha com seu e-mail.

\ Cuidado Paterno \ Homem \ Artigo

CINE-CLUBE "am.com": AS CHAVES de CASA

Por: Prof. Marcus Renato de Carvalho

"As Chaves de Casa" é comovente drama italiano
que trata de um encontro de pai e filho
 
         
 
Kim Rossi Stuart e o garoto Andrea Rossi no filme
As Chaves de Casa
 

 

 

Baseado em reportagem de Michael Rechtshaffen

                             

Repetindo a dinâmica pai e filho de seu premiado filme "O Ladrão de Crianças", de 1992, Gianni Amelio faz um retrato igualmente surpreendente e único da relação pai-filho em "As Chaves de Casa".

Inspirado no livro "Nati due volte", do escritor Giuseppe Pontiggia, esse filme em língua italiana examina o laço comovente criado por um pai há muito tempo ausente que reencontra seu filho, que precisa de cuidados especiais.

Os que estiverem atrás de uma dose generosa de ternura ou de uma mensagem edificante da vida, banhada por arranjos orquestrais, devem procurar em outro lugar.

Quinze anos atrás, Gianni (Kim Rossi Stuart) abandonou o filho portador de deficiências físicas e mentais após seu nascimento traumático (a mãe morreu durante o parto). Criado pela família da mãe, Paolo (Andrea Rossi, em uma estréia notável) se encontra pela primeira vez diante do pai com quem viajará para um hospital especial em Berlim, onde o menino será submetido a testes e à reabilitação.

Não é preciso dizer que a viagem fica um pouco tumultuada às vezes, com Gianni, consumido pela culpa, tendo que aprender a ser um pai de verdade para a criança que só agora ele conhece.

Trabalhando ao estilo do cinema neo-realista, Amelio mantém os estratagemas no mínimo, deixando a pureza das interpretações estabelecerem o tom comovente do filme.

O Paolo de Rossi é um garoto esperto, com um senso de humor muito estranho, e há horas em que suas deficiências parecem desaparecer.

Como se todas as cenas dolorosas entre Rossi e Stuart não fossem pungentes o bastante, entra em cena o personagem de Charlotte Rampling como uma francesa devotada aos cuidados de sua filha, que estoicamente ajuda Gianni a aceitar um futuro não necessariamente brilhante nem alegre.

CHAVES de AFETO

A difícil relação é transformada quando eles conhecem Nicole (Charlotte Rampling).  O relacionamento dessa família alterna em ricas descobertas, risos, lágrimas e revelações. Juntos, eles aprendem que As Chaves de Casa são as chaves do coração.

Aclamado por críticos, o jovem Andrea Rossi, de 16 anos, que interpreta Paolo possui as mesmas deficiências que o seu personagem. O filme se baseia no romance de Giuseppe Pontiggia, intitulado Nascer Duas Vezes (Nati Due Volti). A estréia no Festival de Veneza rendeu o Prêmio Pasinetti de Melhor Filme e de Melhor Ator para Kim Rossi Stuart. O longa também foi exibido na mostra Panorama do Cinema Mundial, no Festival do Rio 2005.

 

Cine Clube "am.com" indicará filmes, como

 "Os Camelos também choram"

(leia reportagem aqui no site)

que tratem de questões que tenham afinidade com a filosofia do www.aleitamento.com

 

 

"Não somos seres terrenos tendo uma experiência espiritual,

somos seres espirituais tendo uma experiêmcia terrena." 


Última atualização: 3/3/2011

 

Curtir

Comentários


Essa é uma área colaborativa, por isso, não nos responsabilizamos pelo conteúdo. Leia nossa Política de Moderação.
Caso ocorra alguma irregularidade, mande-nos uma mensagem.

 

Depoimentos

Gostou do site? Ele te auxiliou em algum momento? Deixe seu depoimento, assine nosso livro de visitas! Clique aqui.

Quem Somos | Serviços | Como Apoiar | Parceiros | Cadastre-se | Política de Privacidade/Cookie/Moderação | Fale Conosco
O nosso portal possui anúncios de terceiros. Não controlamos o conteúdo de tais anúncios e o nosso conteúdo editorial é livre de qualquer influência comercial.
Este site utiliza cookies para lhe proporcionar uma melhor experiência. Ao navegar no mesmo, está a consentir a sua utilização. Caso pretenda saber mais, consulte a nossa Política de Privacidade/Cookie.
23 Ano no ar ! On-line desde de 31 de julho de 1996 - Desenvolvido por FW2 Agência Digital