Aleitamento.com
AmamentaçãoMãe CangurúCriançasCuidado PaternoHumanização do PartoBancos de Leite Humano Espiritualidade & Saúde DireitosProteçãoPromoçãoILCA / IBCLCConteúdo ExclusivoTV AleitamentoGaleria AMNotíciasEventosSites e BlogsLivrariaCampanhas
 
Faça seu login e utilize ferramentas exclusivas. Se esqueceu a senha, acesse o "cadastre-se" e preencha com seu e-mail.

\ Mãe Canguru \ Biblioteca \ Artigo

Livro: POEMAS para ALMAS APRESSADAS

Por: Dr. Marcus Renato de Carvalho

 /

Poemas para almas apressadas

 Luís Alberto Mussa Tavares


Tanta palavra,

 Tanto trabalho,

 Tanto diagnostico

 Avassalador,

 Tanta cultura

 Entre a dor e a cura,

 Tanta procura

 Pelo fim da dor,

 Tanta rotina,

 Tanto medicamento,

 Tanto equipamento

 De alto valor,

 E nada disso,

Aparentemente,

É suficiente

Pra garantir um cuidador...

 É necessário

 Mais do que técnica,

 Mais do que máquina

 Ou do que titulo

 De Doutor...

 A tecnologia

 Não acaba com a tristeza,

 O antibiótico

 Não trata o sofredor...

 É necessário

 Revirar o dicionário

 Para encontrar

 Uma fonte de calor

 Que afaste o medo

 E faça companhia

 Sem se importar

 Com nome, idade ou cor...

 É assim o amor...

 É ele o que nos basta.

 Sem ele tudo é fraco

 E enganador.

 Experimente algum dia

 Não ter nada,

 Além de um simples olhar

 Confortador,

 Além de um aperto de mão

 Ou de um sorriso,

 Além de um gesto

 Doce e apoiador...

 Experimente nesse dia

 Não ter nada,

 E esse dia será

 Revelador

 Porque não será preciso

 Mais que nada

 Se, tendo nada,

 Você tiver amor...

 Porque a vida sem amor

 É uma vida esvaziada

 Mas que pode ser transformada

 Pelo amor...

 Amor que é tudo de bom,

 Que a tudo agrada,

 Amor essencial,

 Profundo amor...


Compartilhando...

 Esta é uma obra de domínio publico.

Seu conteúdo pode ser reproduzido, compartilhado, modificado completamente ou em parte sem necessidade de autorização ou citação dos créditos autorais.

É também permitido copiar, mostrar, baixar, distribuir, reproduzir, republicar ou retransmitir qualquer informação, texto ou ilustração deste volume, em qualquer meio eletrônico ou fisico, bem como criar qualquer trabalho derivado com base nessas imagens, textos ou documentos sem o consentimento do autor, sendo recomendado, entretanto, que se evite sua comercialização.

Uma cópia digital para livre download está disponivel no site alemdauti.com.br 

A poesia sopra onde quer. Tentar aprisioná-la é priva-la de sua liberdade.

Simples assim:

A palavra, depois de escrita, não tem dono,
Se fica guardada, não tem serventia,
Guardar a palavra é condená-la ao abandono,
Guardar a palavra é subtrair-lhe a poesia...

A palavra, se guardada, é um Rei sem trono,
É um Pedro Alvares Cabral sem a Bahia.
Mas uma vez espalhada, perde o sono,
Disseminada, cai na folia...

Compartilhar a palavra é um mandamento
Que permite à palavra o livramento
E que tempera a palavra com alegria...

Compartilhar a palavra, incondicionalmente,
É permitir-lhe a liberdade inconsequente,
É entregar-lhe a sua carta de alforria...

Índice

 

 

 

 

 

 

As mãos da amiga e as mãos de Deus

2

Os poemas para almas apressadas.

3

Palavras maternas. Livia Ressiguier

4

Apresentação. Ricardo Jhones

5

A dor

6

A Lei de Deus

7

A mãe e o filho

8

Às mães de UTI

9

A mãe prematura

10

Amamentando

11

A tempestade

12

As trinta gramas

17

Canção do exilio

18

Canção para te fazer sonhar

19

Canguruzinho

21

Colostroterapia

23

Comunicação

24

Constatação

25

Desabafo

26

Descobrimento

27

Itinerário

28

Mães

31

Mamiferozinho

33

Nascimento

35

O banho

36

O bebezinho na rede

 

O cuidador

37

O olhar

38

O pai canguru

39

Oração pelas mães de UTI

43

Oração pelos meus cuidadores

44

Os prematuros extremos

 

Poeminha para Anna Clara

45

Quem cuida das mães de UTI?

46

Reconhecimento

48

Treze Milhões

49

Uma canção amiga

50

Universalidade

51

Manifesto prematuro

52

 

 

 Edição comemorativa do

II Encontro de Pais e Cuidadores de Bebês Prematuros

Campos dos Goytacazes

 

15 e 16 de maio de 2014

 

Baixe aqui no nosso Slide Share todo o conteúdo do livro: 

http://pt.slideshare.net/Marcusrenato/poemas-para-almas-apressadas

 


Última atualização: 26/5/2014

 

Curtir

Comentários


Essa é uma área colaborativa, por isso, não nos responsabilizamos pelo conteúdo. Leia nossa Política de Moderação.
Caso ocorra alguma irregularidade, mande-nos uma mensagem.

 

Depoimentos

Gostou do site? Ele te auxiliou em algum momento? Deixe seu depoimento, assine nosso livro de visitas! Clique aqui.

Quem Somos | Serviços | Como Apoiar | Parceiros | Cadastre-se | Política de Privacidade/Cookie/Moderação | Fale Conosco
O nosso portal possui anúncios de terceiros. Não controlamos o conteúdo de tais anúncios e o nosso conteúdo editorial é livre de qualquer influência comercial.
Este site utiliza cookies para lhe proporcionar uma melhor experiência. Ao navegar no mesmo, está a consentir a sua utilização. Caso pretenda saber mais, consulte a nossa Política de Privacidade/Cookie.
22 Ano no ar ! On-line desde de 31 de julho de 1996 - Desenvolvido por FW2 Agência Digital